Prefeitura declara Teatro Casa Grande Patrimônio Cultural do Rio

Publicado em 20/10/2022 - 15:30 | Atualizado

A Prefeitura do Rio concedeu, nesta quinta-feira (20/10), ao Teatro Casa Grande, no Leblon, o título de Patrimônio Cultural Carioca. Com o decreto, publicado no Diário Oficial do município, o teatro de 56 anos ganhará uma das já tradicionais plaquinhas azuis e passará a integrar o Circuito dos Teatros do projeto Circuitos do Patrimônio Cultural Carioca, organizado pelo Instituto Rio Patrimônio da Humanidade.

Esta é a terceira placa do Circuito dos Teatros, que ainda em 2022, homenageou o centenário de nascimento da grande atriz e cantora Bibi Ferreira, com uma placa de patrimônio instalada na Avenida Rui Barbosa 664, no Flamengo, onde morou. A primeira placa do Circuito prestigiou o Teatro Rival, do Centro, em 2014.

O decreto, assinado pelo prefeito Eduardo Paes, levou em consideração a importância do Teatro Casa Grande, inaugurado em 1966 com o nome Café Teatro Casa Grande, para a história do Rio e para o cenário cultural do município e do país. A placa destaca essa importância, ao informar que o teatro “se tornou espaço de debate e resistência durante o regime militar, vindo a ser conhecido como território livre da democracia no Brasil”.

Circuitos do Patrimônio Cultural Carioca

O Circuito do Teatro foi criado para identificar e destacar locais de espetáculos importantes para a cultura carioca e homenagear artistas que se destacaram nos palcos teatrais. A instalação das placas informativas, além de prestar homenagens, valoriza o patrimônio cultural e resgata a memória da cidade e da cultura carioca, eternizando nas paredes dos imóveis parte da história.

Desde 2010, os Circuitos do Patrimônio Cultural Carioca começaram a ser feitos por temas que valorizam o patrimônio cultural. Os circuitos deixaram de ser focados em arquitetura e passaram a abranger temas livres, ligados à cultura e à identidade carioca. Por meio da fixação de uma placa informativa, a Prefeitura do Rio seleciona locais de destaque para cada tema. Em cada placa, os visitantes podem saber um pouco mais sobre o local e sua importância para a história da cidade e para o tema em questão.

São 22 circuitos com bens culturais espalhados por toda a cidade. Entre os circuitos, estão: Liberdade, Art-Déco, Cinemas, Trem, Botequins, Águas, Samba, Bossa Nova, Praça Tiradentes, Herança Africana, Choro, Negócios Tradicionais, Literatura, entre outros.

  • 20 de outubro de 2022
  • Skip to content