Fundação Parques e Jardins alerta para a preservação da vegetação de restinga

Publicado em 18/02/2021 - 18:07 | Atualizado

Equipes da Fundação Parques e Jardins (FPJ) estiveram na manhã desta quinta-feira (18/02) na Praça Mozart Firmeza, no Recreio dos Bandeirantes, para serviços de poda baixa e de limpeza dos canteiros. Na ocasião, aproveitaram para fazer um alerta sobre a preservação da vegetação de restinga, considerada de extrema importância para o equilíbrio do ecossistema da região.

Na Praça Mozart Firmeza, por falta de cuidados e de manutenção nos últimos meses, a vegetação de restinga cresceu desordenadamente, formando moitas fechadas, dificultando o acesso da Comlurb para serviços de limpeza.

Segundo o diretor de Planejamento e Projetos da FPJ, Roberto Anderson, o trabalho das equipes da FPJ foi necessário para retirar o acúmulo da cobertura vegetal e assim facilitar o acesso dos usuários do local, bem como das ações de limpeza e de manutenção:

– Realizamos esse serviço com muito cuidado para não agredir a vegetação e também para não perder a característica agreste da praça.

De acordo com o diretor, é importante a existência de espaços públicos que mantenham a vegetação característica da área, contribuindo para o equilíbrio do ecossistema da região.

Em alguns locais perto das praias da Zona Oeste do Rio há muitas áreas com vegetação de restinga, sistema de alta produtividade biológica que contribui para a permeabilidade do solo, alimentação dos lençóis freáticos e fornecimento de água potável. Os trabalhos na Mozart Firmeza terão continuidade na próxima semana.

  • 18 de fevereiro de 2021