Prefeitura interdita academia que funcionava irregularmente

Publicado em 30/05/2020 - 13:56 | Atualizado
Força-tarefa fiscalizou estabelecimentos em Madureira, Vila Valqueire e outros bairros das zonas Norte e Oeste neste sábado (30/05). Foto: Divulgação

A Prefeitura do Rio, por meio da Secretaria Municipal de Ordem Pública (Seop), fiscalizou neste sábado (30/05) áreas comerciais de Madureira e outros bairros das zonas Norte e Oeste da cidade, como medida de combate à pandemia de Covid-19. Logo pela manhã, a força-tarefa coordenada pela Seop interditou uma academia em Vila Valqueire que funcionava irregularmente. Academias não estou autorizadas a abrir pelo risco de aglomeração e consequente contaminação. O estabelecimento também foi autuado por obstrução da fiscalização,uma vez que os agentes foram impedidos de entrar no local.

Ainda como resultado parcial da ação – que continua ao longo da tarde de hoje–, uma feirinha irregular foi encerrada sob o Viaduto Negrão de Lima,em Madureira, e veículos foram multados por estacionamento irregular no  bairro. Na Estrada Intendente Magalhães, agências de venda de automóveis foram orientadas a encerrar suas atividades.

Balanço de ação no Centro

Como resultado da ação conjunta desta sexta-feira (29/05) em áreas comerciais do Centro da cidade, foram apreendidos 341 itens  e outros 300 quilos de mercadorias com ambulantes irregulares. Entre as apreensões: DVDs (incluindo unidades supostamente piratas), bebidas alcoólicas, roupas, frutas, legumes, mochilas, três barracas de ferro e dois carrinhos. A força-tarefa recolheu ainda duas toneladas de resíduos sólidos das ruas, orientou 13  ambulantes a encerrarem suas atividades, e fechou uma loja.

Durante o percurso, os agentes encontraram 94 estabelecimentos fechados e 39 abertos,porém em conformidade com o decreto municipal. O roteiro contemplou a Praça Procópio Ferreira, na Central do Brasil, as ruas Senador Pompeu, Uruguaiana (toda a área do camelódromo), São José e Riachuelo, a Avenida Rio Branco e o Largo da Carioca.

Acumulado
Em pouco mais de dois meses de ações diárias em toda a cidade (18 de março a 27 de maio), a Seop registrou 21.208 estabelecimentos fiscalizados, registrando 15.179 pontos comerciais fechados.

Órgãos
A força-tarefa de combate à pandemia conta com efetivos da Subsecretaria de Operações (Subop) da Seop; Guarda Municipal;Subsecretaria de Licenciamento, Fiscalização e Controle Urbano,vinculada à Secretaria Municipal de Fazenda; Subsecretaria de Vigilância Sanitária, que integra a estrutura da Secretaria Municipal de Saúde; e Comlurb; além da Polícia Militar, em apoio aos agentes municipais, quando necessário.