Secretaria de Meio Ambiente e Subprefeitura da Zona Norte derrubam construção ilegal sobre o Rio Faria-Timbó

Publicado em 27/05/2021 - 12:21 | Atualizado
  • Início/
  • /
  • Secretaria de Meio Ambiente e Subprefeitura da Zona Norte derrubam construção ilegal sobre o Rio Faria-Timbó
O galpão irregular sobre o Rio Faria-Timbó foi destruído - Prefeitura do Rio

Agentes da Secretaria de Meio Ambiente da Cidade em conjunto com a Subprefeitura da Zona Norte, e com o apoio de Polícia Militar, Rio-Águas, CET-Rio e Comlurb, realizaram, nesta quinta-feira (27/05), uma grande operação para demolição de um galpão, que havia sido construído irregularmente em cima da calha do Rio Faria-Timbó, no Engenho de Dentro, na Zona Norte.

Motivados por denúncias de crime ambiental, funcionários da Prefeitura foram ao local, no início da semana, e determinaram a imediata demolição das obras ilegais, além da remoção dos entulhos produzidos, o que não foi cumprido pelo responsável.

O galpão havia sido erguido em área não-edificante, em cima de vigas instaladas pela Rio-Águas para evitar o colapso das paredes de sustentação das margens do rio, provocando risco de inundação proveniente da obstrução do rio.

– É extremamente importante que, antes de iniciar qualquer construção em áreas inclinadas ou próximas a cursos d’água, os órgãos ambientais devem ser procurados para orientação. Construções irregulares não são mais toleradas na Cidade do Rio – adverte o secretário de Meio Ambiente, Eduardo Cavaliere.

 

– Além de colocar a vida da população em risco, este tipo de construção gera gastos desnecessários ao município. Os responsáveis serão penalizados – afirma o subprefeito da Zona Norte, Diego Vaz.

 

A Secretaria de Meio Ambiente encaminhará a nota fiscal do serviço de engenharia ao Ministério Público, que deverá instaurar inquérito para que o responsável pela obra restitua ao município o valor gasto na operação.

 

O secretário Eduardo Cavaliere e o subprefeito Diego Vaz acompanharam a operação – Prefeitura do Rio
  • 27 de maio de 2021