Secretaria da Juventude do Rio certifica jovens da Pavuna em oficina de técnicas de trança

Publicado em 08/03/2022 - 12:41 | Atualizado
Curso de tranças da JUVRioAs 18 jovens da Pavuna aprenderam várias técnicas de trança no cabelo - Prefeitura do Rio
Dezoito jovens moradoras da região da Pavuna, na Zona Norte da cidade, receberam nesta segunda-feira (7/3) o certificado de conclusão da oficina de técnicas de trança, oferecida pela Secretaria Especial da Juventude Carioca (JUVRio) de fevereiro a março deste ano. Em três encontros, na Casa da Juventude, as alunas aprenderam teoria e prática sobre os diversos penteados que têm feito a cabeça de muitas mulheres e homens hoje em dia. Na segunda edição da oficina, os manequins ou cabeças de treino foram substituídos por modelos vivos, que foram as próprias alunas ou moradoras da Pavuna que se candidataram.

Além de valorizar a cultura afro, o objetivo principal da formação foi potencializar a empregabilidade entre jovens da região da Pavuna. Ao receber o convite para voltar à Casa da Juventude da Pavuna para mais uma oficina, a trancista e professora Thaty Barbosa acredita que dominar as técnicas de trança abre portas para o mercado de trabalho.

– O mercado de trabalho para trancistas cresceu bastante nos últimos anos e receber o convite da JUVRio para ensinar a essas meninas a técnica profissional me deixou muito feliz. A trança hoje é minha principal fonte de renda e, se elas continuarem se aprimorando, vão alcançar também essa independência financeira — destacou a professora.
Em três dias de aulas, as alunas aprenderam as seguintes técnicas: “Box Braids” (técnica trançada; aplicação de fibra; divisão; camuflagem; e finalização); “Nagô” (trança enraizada; boxeadora; e trança alimentada); e “Mega hair” (nó italiano; nó entrelaçado; nó duplo; ponto americano; e ponytail). Rayssa Cristini Soares, de 17 anos, saiu das aulas certificada e com o penteado renovado. A jovem moradora da Pavuna sempre quis aprender como trançar o cabelo.

– Eu vi a divulgação da oficina pelas redes sociais e achei que poderia ser uma oportunidade de me profissionalizar na área. A trança está em alta e eu gosto bastante da técnica — disse a jovem ao final das aulas.

A Casa da Juventude da Pavuna é o primeiro equipamento público da JUVRio e fica na Avenida Sargento de Milícias, s/n, Pavuna. O espaço é aberto ao público e oferece atividades diversas, visando a formação profissional e social dos jovens da região.

Novas inscrições para a oficina de técnicas de trança devem ocorrer ainda no primeiro semestre deste ano. Para saber como participar, basta ficar conectado nas redes sociais da JUVRio (@juvrio).

  • 8 de março de 2022