Guardas municipais prendem homem acusado de importunação sexual no Méier

Publicado em 27/05/2022 - 10:07 | Atualizado

Guardas municipais, integrantes do programa Conjunto de Estratégias de Proteção (CEP), da Secretaria de Ordem Pública (Seop), prenderam, na noite desta quinta-feira (26/5), no Méier, um homem acusado de importunação sexual. Os agentes faziam o patrulhamento da Praça Agripino Grieco, quando, por volta das 19h15, foram abordados por uma mulher com a denúncia de que um homem estava fazendo imagens de suas nádegas com o aparelho celular.

Os guardas foram até o local, detiveram o acusado e o conduziram para a 26ª DP (Todos os Santos), onde o caso foi registrado. Na delegacia, foram constatadas no celular do homem as imagens narradas pela vítima, além de fotos de partes íntimas de outras mulheres na mesma situação.

– O programa CEP tem como uma de suas premissas a prevenção de crimes e a presença constante da Guarda Municipal no território, além do monitoramento por câmeras. Então, é importante que a presença dos agentes fez com que a vítima fosse atendida rapidamente. É uma ocorrência grave e que culminou com a prisão desse criminoso. Vamos continuar cuidando daquele espaço ali no Méier, que é um das manchas criminais do município, local que já conseguimos a redução dos índices de furtos e roubos nos primeiros meses de atuação do programa. Seguiremos trabalhando com foco na prevenção – afirmou o secretário de Ordem Pública, Brenno Carnevale.

Em seis meses de atuação do Conjunto de Estratégias de Prevenção (CEP) no Méier, os índices de crimes de oportunidade, como roubo e furto a pedestres, reduziram em 35%. O programa conta com patrulhamento 24h da Guarda Municipal, além de diversas intervenções do município, como melhorias na iluminação, monitoramento por câmeras, restauração de áreas públicas e ordenamento do comércio ambulante.

  • 27 de maio de 2022