Banda da Guarda Municipal recebe título de Patrimônio Cultural Imaterial do povo carioca

Publicado em 19/05/2021 - 14:22 | Atualizado em 19/05/2021 - 14:24
A Banda da GM agora é Patrimônio Cultural Imaterial do povo carioca - Arquivo/Prefeitura do Rio

A Banda Sinfônica de Música da Guarda Municipal do Rio de Janeiro (GM-Rio) se tornou Patrimônio Cultural Imaterial do povo carioca. O título foi concedido pela lei municipal nº 6.870, por iniciativa dos vereadores Jones Moura e Dr. Carlos Eduardo. Na justificativa, os legisladores destacaram a participação da banda em diversos eventos de promoção da cidade, incluindo os realizados na Câmara dos Vereadores, e também em outros municípios do Rio.

Entre as apresentações já tradicionais da Banda da GM estão a abertura oficial do Carnaval, no Palácio da Cidade, e do desfile das escolas de samba, no Sambódromo. Também estão no currículo apresentações em solenidades oficiais da Prefeitura , desfiles militares, escolas, igrejas, hospitais, praças públicas, recepções a governantes estrangeiros e concertos realizados no Theatro Municipal,  na Sala Cecília Meirelles, no Forte de Copacabana e na Escola de Música da UFRJ.

 

– Para nós, é um motivo de grande satisfação esse reconhecimento. A Banda de Música da GM foi criada para a cidade e esse título faz jus à sua vocação – destaca o comandante da GM-Rio, inspetor geral José Ricardo Soares.

 

A Banda de Música da GM foi criada em dezembro de 1993 com músicos da antiga Banda Civil da Cidade do Rio de Janeiro e conta hoje com cerca de 40 integrantes, sendo regida há quatro anos pelo maestro e guarda municipal Ricardo Severino. No período da pandemia, devido às medidas restritivas de proteção à vida para conter a disseminação do coronavírus, as apresentações foram reduzidas.

 

No ano passado, por exemplo, não foram realizadas as apresentações tradicionais, mas a Banda de Música não deixou de estar presente no dia a dia dos cariocas. Uma pequena parte dos músicos foi levada para tocar na entrada de condomínios, sendo acompanhada pelos moradores das janelas de seus apartamentos. Batizado de Abraço Musical, o projeto percorreu toda a cidade tocando em bairros como Méier, Copacabana, Botafogo, Campo Grande e Bangu. Os músicos também fizeram várias lives nas redes sociais da Guarda Municipal. As apresentações ainda não voltaram com força total, mas os músicos seguem a rotina de ensaios, observando as regras sanitárias vigentes, para estarem prontos para o retorno definitivo.

 

A Banda da GM participa de diversos eventos de promoção da cidade – Arquivo/Prefeitura do Rio
  • 19 de maio de 2021