Com o triplo de investimento, novo Programa Líderes Cariocas é lançado no Rio

Publicado em 03/11/2021 - 16:50 | Atualizado
O programa, agora batizado de Líderes Cariocas versão 4.0, contará com R$ 2,8 milhões - Fabio Motta/Prefeitura do Rio

Com o triplo de investimento em relação a 2020, a Prefeitura do Rio de Janeiro lançou a nova versão do Programa Líderes Cariocas, iniciativa de seleção, desenvolvimento e gestão de talentos do funcionalismo municipal, nesta quarta-feira (3/11). A retomada do programa é uma das 11 promessas previstas na carta-compromisso do Prefeito Eduardo Paes para os servidores públicos.

 

– O servidor não é custo, é investimento. Esse projeto é fundamental. Nesses três dias de chuva, vi o quanto os servidores têm um desempenho fundamental na cidade. Retomar esse projeto é um motivo de alegria, com o triplo do investimento. O servidor merece – afirmou o prefeito em exercício do Rio, Carlo Caiado.

 

Coordenado pela Fundação João Goulart, braço da Secretaria Municipal de Fazenda e Planejamento, o programa, agora batizado de Programa Líderes Cariocas versão 4.0, contará com R$ 2,8 milhões para iniciativas como o aprimoramento profissional, aprendizado contínuo, premiação e reconhecimento de até 200 líderes ao longo dos próximos quatro anos. Entre as vantagens para os servidores selecionados no projeto está a oferta de bolsas de estudo para capacitação.

 

– Consideramos o Líderes Cariocas um programa-chave. Como fazer uma prefeitura com capacidade de entregar mais para a cidade se você não trabalha o seu servidor público? A grande chave para uma cidade que cuida melhor de si e do carioca é o servidor público. Sem uma boa política de qualificação permanente dos seus quadros não se tem sucesso – disse o secretário de Fazenda e Planejamento, Pedro Paulo.

 

O processo seletivo será aberto em janeiro de 2022, e a posse dos novos Líderes no dia 1º de março, aniversário da cidade. Os que já desejarem podem fazer a pré-inscrição a partir desta quarta-feira e assim receber diretamente o comunicado para a inscrição no processo seletivo. Estão aptos a participar servidores públicos em exercício no município há mais de três anos e com nível superior completo ou diploma de Ensino Médio, desde que comprovada, neste último caso, trajetória de relevância e notoriedade em sua experiência profissional.

 

– De 2012 a 2016, o Programa Líderes Cariocas era uma grande novidade destacadamente na administração pública municipal. Um projeto pioneiro. O investimento desse projeto não é a toa, nós precisamos ser uma nova versão de nós mesmos. A cidade do Rio está mudando o tempo todo e precisamos inovar para construir soluções para o serviço público – declarou a presidente da Fundação João Goulart, Rafaela Bastos.

 

Além da jornada de desenvolvimento profissional e o reconhecimento, Líderes Cariocas também são priorizados em processos de seleção para cargos de Direção no município e contribuem com suas expertises no desenvolvimento de outros servidores e de projetos relevantes para a cidade.

O processo seletivo será aberto em janeiro de 2022, e a posse dos novos Líderes no dia 1º de março, aniversário da cidade – Fabio Motta/Prefeitura do Rio
  • 3 de novembro de 2021