Prefeitura entrega cestas básicas para alunos da 2ª Coordenadoria Regional de Educação nesta semana

Publicado em 27/05/2020 - 16:01 | Atualizado
Já foram distribuídos mais de 215 mil cartões e cestas básicas desde o início da pandemia. - Foto: Foto: Jorge Pex / Prefeitura do Rio

A Prefeitura do Rio, por meio da Secretaria Municipal de Educação, entregará, a partir desta quinta-feira, 28/05, cestas básicas para famílias de alunos da 2ª Coordenadoria Regional de Educação (CRE) em três locais: na Associação Atlética Vila Isabel, na quadra do Grêmio Recreativo Escola de Samba Mocidade Unidade do Santa Marta e na quadra do Grêmio Recreativo Escola de Samba Acadêmicos da Rocinha. Nesta quinta, sexta e sábado, serão distribuídos mais 3.500 benefícios para quem solicitou a cesta básica através do link disponibilizado pela SME em suas redes sociais.

Neste primeiro momento, a prioridade é para as famílias que se encontram em situação de maior vulnerabilidade: inscritos em programas sociais, desempregados, autônomos e MEIs. A entrega é de forma escalonada, seguindo as orientações dos órgãos de saúde, para que não haja aglomeração em função da pandemia do novo coronavírus.

É fundamental que as famílias compareçam exatamente nos dias, locais e horários marcados pela SME para que a distribuição ocorra de forma organizada.

A distribuição continua nos próximos dias. Até o dia 3/6, também serão atendidos alunos das regiões da 3ª, 5ª, e 9ª Coordenadorias Regionais de Educação. Ao todo, a SME já distribuiu cerca de 215 mil cartões e cestas básicas para os alunos desde o início da pandemia.

Solicitação de cestas

A Secretaria Municipal de Educação fez uma análise de 105 mil inscrições disponíveis no link para a solicitação das cestas básicas. O resultado do levantamento indicou que, deste quantitativo, 38 mil cadastros eram de pessoas sem filhos vinculados à Rede Municipal de Ensino; 7 mil já estavam cadastrados no Bolsa Família ou Cartão Família Carioca e já seriam contemplados com o cartão Cesta Básica e os demais tiveram o registro confirmado e receberão o benefício, bastando aguardar a convocação.

Para ampliar o atendimento às famílias dos alunos da Rede Municipal de ensino, a SME já distribuiu também mais de 230 mil litros de leite para alunos dos segmentos de creche, ensino infantil e pré-escola.

Além disso, manteve as escolas municipais abertas para oferecer merenda durante os primeiros dias de suspensão das aulas. Mas o Sindicato dos Professores entrou na justiça pedindo o fechamento total das escolas. Na sequência, a SME entregou 1.500 cestas básicas para famílias dos alunos que foram almoçar nos dias 16 e 17 de março, quando as unidades escolares ainda estavam abertas oferecendo refeições – antes da justiça acatar a ação do Sepe.