Castelinho do Flamengo recebe iluminação especial para peça de teatro

Publicado em 26/08/2019 - 16:51 | Atualizado
O Centro Cultural Municipal Oduvaldo Vianna Filho - Castelinho do FlamengoO Centro Cultural Municipal Oduvaldo Vianna Filho - Castelinho do Flamengo. Foto: Divulgação/Prefeitura do Rio

O Centro Cultural Municipal Oduvaldo Vianna Filho – Castelinho do Flamengo foi transformado num palácio húngaro do início do século XX para a temporada da peça teatral “Romola e Nijinsky”, em cartaz até 1º de setembro. O espaço recebeu 422 lâmpadas e 28 refletores para compor o cenário e dar o brilho dos antigos casarões.  A produção levou dez dias para instalar a iluminação.

A peça, dirigida por Regina Miranda, traz à tona a vida pessoal do bailarino e coreógrafo russo Vaslav Nijinsky (1889-1950) e sua relação com a bailarina Romola  de Pulszky (1891-1978). Referência na arte até hoje, Nijinsky foi revolucionário não só na dança como na sua vida amorosa. Antes da união com Romola, ele mantinha uma relação pública com Sergei Diaghileff, empresário e diretor artístico do Ballets Russes.

Os personagens são interpretados por Marina Salomon e Antonio Negreiros. A peça conta com participação especial da pianista Clarice Gonzalles.

O Castelinho do Flamengo fica na Praia do Flamengo 158. A peça é apresentada de quinta a domingo, às 19h. Ingressos a partir de R$ 20 (meia).