Em menos de três meses, Conservação faz limpeza e manutenção de 13 monumentos

Publicado em 22/03/2021 - 09:11 | Atualizado em 22/03/2021 - 09:58
A Fonte Wallace, no Parque da Cidade, passou por limpeza e Manutenção _ Marcos de Paula/Prefeitura do Rio

Depois de fazer a limpeza e a manutenção de 13 monumentos da Zona Sul, entre janeiro e a primeira semana de março, a Secretaria Municipal de Conservação (Seconserva) vai promover a mesma ação em outras esculturas, como a do Padre Cícero, no Campo de São Cristóvão. O Parque da Cidade, na Gávea, concentrou a maior  parte  deste  trabalho,  iniciado  por  Lagoa,  Flamengo,  Leblon e Copacabana, por meio da Gerência de Monumentos e Chafarizes.

Os monumentos que receberam esses cuidados são a Fonte Wallace, o Candelabro da Mulher, o Candelabro do Índio, o Canhão Hotchkiss, a Escultura Abstrata Contemplação, e a Fonte do Índio, no Parque da Cidade, na Gávea; o Chafariz e a Estátua de Nossa Senhora da Imaculada  Conceição,  no  Largo  do  Machado;  o  Chafariz  A  Fonte, na Praça São Salvador; o Monumento a Estácio de Sá, no Aterro do Flamengo; a Estátua de Nelson Rodrigues, em Copacabana; o Busto de Afrânio de Melo Franco e a Estátua de Miguel Couto, no Leblon; e o Busto dos Irmãos Rebouças, na Lagoa.

As vistorias identificaram que um grande entrave para manter monumentos e chafarizes em perfeito estado é o vandalismo. Pichações e roubos de peças estão entre os maiores problemas enfrentados pelos técnicos.

Confira os outros monumentos que passaram por limpeza e manutenção nas imagens captadas pelo fotógrafo Marcos de Paula/Prefeitura do Rio.

 

Candelabro da Mulher

 

Estátua de Nelson Rodrigues

 

Abstrata Contemplação

 

Candelabro do Índio

 

Estátua de Miguel Couto

 

Chafariz A Fonte

 

Fonte do Índio

 

Busto de Afrânio de Mello Franco

 

Chafariz e Estátua de Nossa Senhora da Imaculada Conceição

 

Monumento a Estácio de Sá

 

Canhão de Hotchkiss

 

Bustos dos Irmãos Rebouças
  • 22 de março de 2021