Comlurb reforça campanha de adesão à coleta seletiva com moradores da Tijuca, Ilha do Governador e Urca

Publicado em 22/07/2022 - 11:53 | Atualizado em 22/07/2022 - 12:00
  • Início/
  • /
  • Comlurb reforça campanha de adesão à coleta seletiva com moradores da Tijuca, Ilha do Governador e Urca
A Campanha de incentivo à coleta seletiva vem sendo realizada aos sábados para aumentar a participação da população - Divulgação

A Comlurb promove, neste sábado (23/7), das 8h às 13h, uma campanha de incentivo à coleta seletiva em três lugares simultaneamente: Praça Saens Peña (Tijuca), Cocotá (ao lado da UPA), na Ilha do Governador, e Praia da Urca (Urca). O grupo Chegando de Surpresa, formado por garis que usam a música e a dança em campanhas de conscientização, participa da ação na Tijuca. Já a Ilha do Governador e a Urca contam com tenda do Canal Novo Mundo, projeto de educação ambiental itinerante da atriz e Agente Verde da Companhia, Thaiane Maciel.

A campanha de incentivo à coleta seletiva vem sendo realizada aos sábados, desde março, para aumentar a participação da população na separação em casa dos materiais potencialmente recicláveis, além de reforçar os roteiros da coleta seletiva. A ação de incentivo ocorre em todas as áreas da cidade, nas zonas Sul, Norte e Oeste, além do Centro, em pontos de maior visibilidade.

Durante a campanha são distribuídos panfletos informativos, e técnicos da área tiram dúvidas e orientam a população. Atualmente, o serviço de coleta seletiva da Comlurb atende a 122 bairros do Rio. Todo o material coletado é entregue para as 28 cooperativas de catadores, que fazem a separação e comercialização dos produtos. O lixo reciclável garante, assim, trabalho e renda para os cooperativados e suas famílias. Atualmente, o recolhimento porta a porta é feito uma vez por semana, em dias alternados ao da coleta domiciliar. A população pode se informar sobre o dia e horário da coleta em cada rua neste site.

Para que a cadeia da reciclagem obtenha êxito cada vez maior, é fundamental que os moradores participem desse processo, promovendo a separação do lixo em suas residências. Sem a participação da população, o serviço de coleta seletiva se torna improdutivo e caro.

  • 22 de julho de 2022
  • Skip to content