Comlurb encerra operação especial de Carnaval com 1.227 toneladas de lixo recolhidas, 14% superior ao ano anterior

Publicado em 11/03/2019 - 07:56 | Atualizado em 11/03/2019 - 08:03
Comlurb recolheu 1,2 toneladas de lixo na operação de CarnavalComlurb recolheu 1,2 toneladas de lixo na operação de Carnaval

Durante o Carnaval deste ano, foram coletadas 1.227 toneladas de resíduos desde o início da operação especial lançada pela Comlurb no dia 16/02 até o encerramento neste domingo (10/03), nos blocos, bailes, festas de rua, Sambódromo, Intendente Magalhães e entornos. O número é 14% superior ao ano passado, quando alcançou 1.076 toneladas.

A Comlurb recolheu em todos os dias de desfiles no Sambódromo, 397,8 toneladas de lixo, na área interna e entorno. A quantidade de resíduos potencialmente recicláveis somou 8 toneladas, que foram encaminhadas às cooperativas de catadores credenciadas à Comlurb. Catadores cooperativados também atuaram no Sambódromo para somar esforços com a Comlurb e aumentar a coleta de recicláveis. Já a Intendente Magalhães, palco dos desfiles do Grupo de Acesso, totalizou 38,6 toneladas de lixo.

A Comlurb recolheu nos blocos de sábado, 39,3 toneladas de resíduos, sendo 27,8 só no Bloco das Poderosas, que desfilou no Centro. Já no domingo, encerrando a folia, o Monobloco deixou 28,3 toneladas de lixo no caminho. Desde o dia 16/2 até este domingo foram retiradas 791,3 toneladas de resíduos dos blocos.

Durante todo o Carnaval, as equipes do Lixo Zero aplicaram 1.230 multas nos blocos, sendo 999 por urinar na rua, no valor de R$ 563,30, e 231 para descarte irregular de pequenos resíduos, no valor de R$ 205,60.

Leia também: Carnaval de Recordes teve mais de 7 milhões de foliões pelas ruas e R$ 3,7 bi em receitas