Secretaria Municipal de Educação já distribuiu mais de 350 mil cartões e cestas básicas para alunos desde o início da pandemia

Publicado em 17/07/2020 - 15:14 | Atualizado
A entrega segue um planejamento que beneficia todos os alunos: pessoas que comparecem sem agendamento prejudicam os estudantesA entrega segue um planejamento que beneficia todos os alunos: pessoas que comparecem sem agendamento prejudicam os estudantes

A Prefeitura do Rio, por meio da Secretaria Municipal de Educação, está entregando mais uma série de cestas básicas para alunos da Rede Municipal. Só nesta semana, por exemplo, a distribuição articulada nas Coordenadorias Regionais de Educação beneficiou cerca de 50 mil famílias. Ao todo, desde o início da pandemia, a SME já entregou mais de 350 mil cartões e cestas básicas. E mais 50 mil cestas serão entregues para os responsáveis dos estudantes a partir da semana que vem. É fundamental que as famílias compareçam exatamente nas datas, locais e horários marcados pela SME para que a distribuição ocorra de forma organizada. Nos últimos dias, algumas pessoas que não estavam convocadas para receber o benefício foram aos polos de distribuição e causaram aglomeração, prejudicando a logística e outros pais que estavam agendados. Todos serão atendidos.

Na 9ª Coordenadoria Regional de Educação (CRE), por exemplo, que é a que reúne a maior quantidade de pessoas, só nesta semana foram entregues cerca de 9.700 cestas básicas. A entrega é de forma escalonada para que não haja aglomeração e evitar a disseminação do novo coronavírus.

É importante ressaltar que os produtos das cestas SÃO PARA A ALIMENTAÇÃO DOS ALUNOS, conforme determina a legislação. As cestas são elaboradas por nutricionistas do Instituto Municipal Annes Dias, sendo balanceadas e correspondentes à alimentação que é oferecida regularmente nas escolas. Como o quantitativo é muito grande – são mais de 640 mil alunos em todas as regiões da cidade – é importante que as pessoas participem de forma consciente do processo.

Histórico

Para ampliar o atendimento às famílias dos alunos da Rede Municipal de ensino, a SME já distribuiu também mais de 241 mil litros de leite para alunos dos segmentos de creche, ensino infantil e pré-escola.

Além disso, manteve as escolas municipais abertas para oferecer merenda durante os primeiros dias de suspensão das aulas. Mas o Sindicato dos Profissionais de Educação entrou na justiça pedindo o fechamento das escolas. Na sequência, a SME entregou 1.500 cestas básicas para famílias dos alunos que foram almoçar quando as unidades escolares ainda estavam abertas oferecendo refeições – antes de a justiça acatar a ação do Sepe. Posteriormente, começou a entrega dos milhares de auxílios de alimentação que beneficia todos os alunos da rede.