Prefeitura encerra partida de futebol no Méier

Publicado em 28/05/2020 - 19:46 | Atualizado
Serviço da Seop já atendeu mais de 7,7 mil solicitações quase dois meses. Foto: Divulgação / Prefeitura do RioServiço da Seop já atendeu mais de 7,7 mil solicitações quase dois meses. Foto: Divulgação / Prefeitura do Rio
A Prefeitura do Rio, por meio da Secretaria Municipal de Ordem Pública (Seop), encerrou uma partida de futebol no Méier, na Zona Norte, na noite desta quarta-feira,27/05. A ocorrência chegou por meio do Disk Aglomeração, que funciona com base em denúncias registradas pelo canal 1746. Em quase dois meses de funcionamento, o serviço já atendeu mais de 7,7 mil solicitações.

A partida de futebol ainda acontecia no Esporte Clube Vallim, na Rua Padre Ildefonso Penalba, 473, quando uma equipe da Subsecretaria de Operações (Subop) da Seop, com apoio de agentes da Guarda Municipal e da Polícia Militar (3° BPM), chegou ao local, por volta das 21h.

Ao constatar a irregularidade, a equipe chamou, imediatamente, o responsável pelo clube e orientou quanto às possíveis sanções caso o episódio ocorra novamente. O local foi esvaziado, o clube encerrou suas atividades e desligou as luzes. Toda a ação teve como princípio fazer valer o decreto municipal de isolamento social.

Balanço – Coordenado pela Seop, o Disk Aglomeração atendeu 7.717 ocorrências, de 31 de março a 27 de maio. Os bairros mais demandados, até ontem, foram: Campo Grande, Realengo, Bangu, Santa Cruz, Barra da Tijuca, Taquara, Tijuca, Centro, Copacabana e Recreio dos Bandeirantes.

O serviço de dispersão de pessoas funciona, principalmente, com base em chamados feitos à Central 1746. No planejamento operacional, a prioridade é para demandas como aglomerações em estabelecimentos comerciais essenciais e em áreas públicas de lazer.