Devido à Covid-19, Prefeitura suspende vistorias de táxis e demais veículos de transportes municipais

Publicado em 29/04/2020 - 10:30 | Atualizado em 29/04/2020 - 10:48
A testagem de 5 mil taxistas é feita em parceria com o aplicativo Taxi.Rio. Crédito: Divulgação/ Prefeitura do Rio
A Prefeitura do Rio, por meio da Secretaria Municipal de Transportes, suspendeu as vistorias dos veículos de transportes de passageiros enquanto perdurar o estado de calamidade na cidade. A medida, publicada no Diário Oficial desta quarta-feira (29/04), inclui táxis, vans, cabritinhos, veículos de fretamento e ônibus cadastrados na SMTR. Sendo assim, o calendário publicado anteriormente fica revogado.
No caso dos táxis, as vistorias para encerramento das permutas, transferências, inclusão de veículos e novas autonomias também ficam temporariamente suspensas.
Outras medidas em benefício dos taxistas foram anunciadas durante a crise do coronavírus, entre elas: o aumento do prazo de 180 para 540 dias para os auxiliares darem entrada no processo de obtenção de autonomia, e de 360 para 720 dias o prazo para apresentarem o veículo; a autorização para uso de folder com o objetivo de divulgar o desconto em viagens em que idosos fossem se vacinar contra a gripe; e o aumento da vida útil dos táxis convencionais de 8 para 10 anos e dos táxis executivos de 7 para 9 anos. Esta última medida vai beneficiar mais de mil taxistas que já teriam que trocar de veículo, neste ano, por vida útil vencida.