Cidade ilumina pontos turísticos a partir desta terça para receber o Natal e celebrar a chegada de 2020

Publicado em 10/12/2019 - 12:20 | Atualizado em 10/12/2019 - 12:22
Cristo Redentor é um dos monumentos do Rio que ganharão iluminação especial de Natal. Foto: Alexandre Macieira / RioturCristo Redentor é um dos monumentos do Rio que ganharão iluminação especial de Natal. Foto: Alexandre Macieira / Riotur

A Prefeitura do Rio de Janeiro vai iluminar neste Natal pontos turísticos, espaços públicos e edifícios históricos da cidade. O “Rio 2020, Natal de Luz” é uma prévia do calendário oficial do próximo ano, quando a cidade será a primeira Capital Mundial da Arquitetura e sede do 27° Congresso Mundial de Arquitetos. O acendimento simultâneo ocorrerá nesta terça-feira, 10 de dezembro, e os monumentos permanecerão iluminados todas as noites até o Dia de Reis, em 6 de janeiro.

A iniciativa alia as comemorações do Natal aos preparativos para o calendário Rio 2020. Momentos marcantes ao longo do ano, como o Réveillon e o Carnaval, também vão celebrar o título concedido pela Unesco e pela União Internacional dos Arquitetos.

Locais com iluminação especial

  • _Cristo Redentor;
  • _Pão de Açúcar;
  • _Murada do Forte de Copacabana;
  • _Monumento a Estácio de Sá;
  • _Passarelas do Aterro do Flamengo;
  • _Arcos da Lapa;
  • _Câmara dos Vereadores;
  • _Igreja da Penha;
  • _Cidade das Artes;
  • _Museu de Arte Moderna;
  • _Palacete da Princesa Isabel;
  • _Centro Administrativo São Sebastião (sede da Prefeitura).

A cor escolhida para a iluminação é o amarelo, que simboliza o sol, o verão, a prosperidade e a felicidade.

Iluminação especial de Natal vai colorir também a Cidade das Artes, na Barra da Tijuca. Foto: Alexandre Macieira / Riotur
Iluminação especial de Natal vai colorir também a Cidade das Artes, na Barra da Tijuca. Foto: Alexandre Macieira / Riotur

Em 2020, Rio receberá série de eventos

O Congresso Mundial de Arquitetos terá como tema “Todos os mundos. Um só mundo. Arquitetura 21” e expectativa de público de 20 mil profissionais da área. Será a oportunidade de reflexão sobre o futuro e de planejar o que se quer para as cidades de todo o mundo. O Rio também sediará o Fórum Mundial de Cidades e exposições.