Campanha “Você no Controle” aborda mais de 6 mil pessoas nas ruas do Rio

Publicado em 26/06/2021 - 18:02 | Atualizado
300 profissionais da Assistência Social conscientizam a população sobre o uso abusivo de drogas - Divulgação/Prefeitura

No Dia Internacional contra o Abuso e Tráfico de Drogas instituído pela ONU, a campanha da Prefeitura “Você no Controle: Viva a Vida sem Drogas” esteve neste sábado (26/06) em 14 pontos do Rio, apoiando o cidadão a tornar-se protagonista de seu destino. Foram 6.616 pessoas abordadas e sensibilizadas, sendo que em alguns pontos ocorreram atendimentos e um encaminhamento para a 5a. Delegacia de Polícia, no Centro, por perda de documentos.

Trezentos profissionais da Secretaria Municipal de Assistência Social trabalharam desde as 9 horas, orientando a população. Em parceria com o Conselho Municipal Antidrogas (COMAD-RJ), a campanha irá até maio de 2022, com diversas ações como cursos de formação, lives e webinários, democratizando o material educativo nas redes sociais e em instituições públicas e da sociedade civil.

– Lançamos essa campanha de prevenção para que as pessoas pensem nessa temática numa cidade como a nossa que, a cada dia mais, recebe os efeitos dessa doença que é a adição por uso abusivo de drogas e álcool. Que toque o coração das pessoas, que falem sobre isso, se preocupem com a gravidade desse tema – explicou a secretária de Assistência Social, Laura Carneiro, que lançou a campanha no Mercadão de Madureira.

– Uma campanha maravilhosa sobre um assunto muito delicado, muito problemático, mexe com famílias, com drogas, e o Mercadão é parceiro porque poderá salvar muitas vidas – disse o presidente da Associação Comercial do Mercadão de Madureira, Pedro Silva.

Nesta gestão, a Coordenadoria Antidrogas saiu da Secretaria Municipal de Ordem Pública e passou para a Assistência Social. Enquanto a nova direção do COMAD-RJ foi empossada no mês passado e “construímos parcerias com as políticas setoriais da Prefeitura, de maneira que a campanha chegasse a todo o Rio”, disse a secretária Laura Carneiro, que também é presidente do COMAD-RJ. Estão envolvidas as secretarias de Cultura, Educação, Esportes, Fazenda e Planejamento, Habitação, Juventude, Saúde, Trabalho e Renda e, também, a Comlurb e a Guarda Municipal.

– A campanha é uma agenda do futuro que está sendo aberta, uma ação integrada da Prefeitura sobre uma questão que é uma emergência no século XXI – definiu o comandante da Ronda Escolar na Guarda Municipal, Marcos Bazém, conselheiro do COMAD-RJ.

Assistentes sociais, psicólogos, pedagogos, educadores sociais, advogados, estiveram nas ruas neste sábado no trabalho de conscientização e informando a população sobre os serviços que a Rede de Atendimento Psicossocial (RAP) oferece para a prevenção e tratamento.

A campanha também ocorreu no Largo da Carioca; Praça Saenz Peña; Largo do Machado; Praça Agripino Grieco, Méier; Largo da Penha; Shopping Ilha Plaza; Praça Copérnico, Pavuna; Praça Seca; Praça Tim Maia; Rua Olegário Maciel; Calçadão de Bangu; Calçadão de Campo Grande; e Estação de Trem de Santa Cruz, ao lado da Praça do Ringue.

O mais completo e atualizado levantamento sobre drogas realizado no país, da Fiocruz em parceria com o IBGE, o Instituto Nacional de Câncer e a Universidade de Princeton (EUA), divulgado em 2019 com 17 mil entrevistados de 12 a 65 anos, mostrou que 3,2% dos brasileiros usaram substâncias ilícitas nos 12 meses anteriores à pesquisa, o equivalente a 4,9 milhões de pessoas.

  • 26 de junho de 2021