Programa A Caminho da Escola 2.0 chega ao entorno de colégio na Penha Circular

Publicado em 26/04/2022 - 16:29 | Atualizado
O Programa "A Caminho da Escola 2.0" já foi implantado no entorno de uma escola na Penha Circular - Divulgação

A CET-Rio, em parceria com a Subprefeitura da Zona Norte e a Secretaria Municipal de Educação, realiza a implantação das intervenções do programa A Caminho da Escola 2.0 no entorno da Escola Municipal João de Deus, no bairro da Penha Circular, a partir desta quarta-feira (27/4). O programa, que atendeu a escola antes do início da pandemia de Covid-19, realizou suas etapas pedagógicas e de capacitação dos professores e teve o cenário de risco do entorno da unidade elaborado pelos alunos, para então, a partir de agora, com a retomada do programa, implantar as intervenções urbanas propostas pela comunidade escolar.

Segundo dados do Ministério as Saúde, o trânsito é a principal causa de mortes entre crianças na faixa etária dos 5 aos 14 anos no Brasil. Com a retomada das aulas e o aumento da circulação das crianças nas ruas, as medidas de segurança no trânsito ganham ainda mais urgência. Somente entre janeiro e agosto de 2021, o SUS já totalizou mais de seis mil crianças e jovens hospitalizados em estado grave devido a atropelamentos no Brasil.

Buscando reverter esse cenário, a CET-Rio, em parceria com a Secretaria Municipal de Educação, lança o Programa de Educação para o Trânsito A Caminho da Escola 2.0.

 

O entorno da escola antes da implantação do programa – Divulgação

 

O entorno da escola após a implantação do programa – Divulgação

 

Os princípios norteadores do programa são

– Convidar a comunidade escolar para pensar a cidade em parceria com o poder público;

– Promover a criação de um espaço público de excelência, que sirva como catalisador de boas práticas;

– Criar o sentimento de pertencimento da comunidade escolar em relação ao espaço público e os equipamentos urbanos, para que os alunos se tornem multiplicadores dessas boas práticas.

A CET-Rio pretende realizar, pelo menos, 18 intervenções urbanísticas por ano, com foco na segurança viária e na melhoria das condições de circulação de pedestres e ciclistas no entorno das unidades de ensino. Todas realizadas em parceria com a comunidade escolar, seguindo as seguintes etapas:

 

Escolha das escolas

– Análise das condições viárias no entorno das escolas;

– Levantamento de dados sobre sinistros de trânsito.

 

Ação educativa e diagnóstico/escuta da comunidade

– A CET-Rio levará ao ambiente escolar os projetos educativos já existentes, para introduzir o assunto e estimular a discussão sobre a segurança viária;

– Elaboração do mapa de risco pela comunidade escolar;

– Conhecimento das características do local, tanto físicas, quanto deuso;

 

Elaboração do Projeto

– Definição dos objetivos a serem atingidos;

– Desenvolvimento de projeto junto da comunidade escolar

 

Implantação das intervenções

– Realização das mudanças nas vias;

– Sinalização horizontal / vertical / semafórica (conforme o caso);

– Presença de um controlador de tráfego da CET-Rio durante os primeiros dias após a implantação, para orientar a população sobre as mudanças realizadas;

 

Coleta de dados

Medição dos resultados alcançados, como satisfação da comunidade e redução do número de sinistros de trânsito.

  • 26 de abril de 2022