SMASDH faz campanha contra assédio sexual no BRT

Publicado em 28/02/2019 - 17:23 | Atualizado em 08/03/2019 - 14:54

A ação da Subsecretaria de Políticas para a Mulher tem como finalidade conscientizar a população no carnaval.

A Subsecretaria de Políticas para a Mulher, da Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos (SMASDH), em parceria com BRT, realizou hoje, no Terminal Alvorada, na Barra da Tijuca, uma ação que teve por finalidade dar continuidade à campanha FOLIA SIM, IMPORTUNAÇÃO SEXUAL NÃO, que contou com o apoio da 7ª CASDH e da Subprefeitura da Barra da Tijuca.

A ação batizada como “Barulhaço da Importunação Sexual” contou com a participação de pedagogas, assistentes sociais e psicólogas, que distribuíram o material informativo e adereços ao público, além da alegria contagiante do grupo da Comlurb “Chegando de Surpresa”, com o icônico Renato Sorriso.

Toda a ação está baseada na Lei nº 13.718/2018, de Importunação Sexual, que é crime e dá cadeia. A lei tipifica os crimes de importunação sexual e de divulgação de cena de estupro, torna pública incondicionada a natureza da ação penal dos crimes contra a liberdade sexual e dos crimes sexuais contra vulnerável.

Vale ressaltar que os técnicos da SMASDH estão preparados para orientar o público em período carnavalesco, para que se houver alguma vítima, que procure os órgãos competentes, como a Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (DEAM) e o Centro Especializado de Atendimento à Mulher (CEAM) Chiquinha Gonzaga, que oferece acompanhamento psicológico e orientação jurídica às mulheres em situação de violência doméstica e familiar, sendo que informações às mulheres constarão também no material impresso da campanha.

  • 28 de fevereiro de 2019