Prefeitura inaugura novo espaço de acolhimento na Taquara e reforma abrigo Dina Sfat, em Bangu

Publicado em 25/05/2021 - 16:20 | Atualizado em 25/05/2021 - 17:12
O abrigo Haroldo Costa tem capacidade para 200 pessoas - Beth Santos/Prefeitura do Rio

O prefeito Eduardo Paes e a secretária municipal de Assistência Social, Laura Carneiro, inauguraram, nesta terça-feira (25), a Unidade de Reinserção Social Haroldo Costa (URS), na Taquara. Com espaço para até 200 acolhidos, entre idosos e homens adultos, a unidade foi incorporada à rede da Assistência Social depois de servir de forma emergencial durante a pandemia de covid-19. Aos 91 anos, o ator, escritor e produtor Haroldo Costa participou da cerimônia.

– Ao se fazer política pública de assistência social, você olha para a população mais vulnerável e não tem jeito: ou você olha para o drama de cada indivíduo ou você não consegue resolver. Que esse espaço possa dar perspectiva de futuro para as pessoas que enfrentaram suas dificuldades. Todos estamos sujeitos a enfrentar essas dificuldades na vida e tudo que a gente precisa é de um carinho, de uma mão amiga – afirmou o prefeito do Rio.

A vacinação da população em situação de rua contra a Covid-19 também teve início na URS Haroldo Costa, que vai ter 140 de seus 200 usuários imunizados – os outros 60 são idosos e já foram vacinados. Anunciado pela Prefeitura semana passada, o objetivo é vacinar aproximadamente 6 mil do total de 7.272 pessoas em situação de rua, de acordo com o censo realizado em 2020. A imunização ocorrerá dentro dos abrigos e também nas ruas, realizada por sete equipes dos Consultórios de Rua da Secretaria de Saúde.

– É com muito orgulho que entregamos esse espaço que já se tornou referência em Assistência Social. Aqui oferecemos atendimento humanizado, com biblioteca, horta e cursos de qualificação. E para completar o dia de hoje conseguimos a vacinação para a população em situação de rua – completou Laura.

 

Paes cumprimenta o jornalista Haroldo Costa – Beth Santos/Prefeitura do Rio

 

Os primeiros usuários vacinados contra a covid-19 confirmam que não pretendem voltar para as ruas e revelaram a esperança de alcançar um futuro melhor.

– Conheço muitos abrigos, já fui e voltei de vários, mas aqui eu fiquei. Tenho problema com drogas e com a família. Mas, aqui, o espaço é bom, alimentação é boa e estou recuperando meus documentos para refazer minha vida – contou Dener Freitas de Meireles, 58 anos, o primeiro a ser vacinado.

Tanto o prefeito quanto a secretária exaltaram a escolha de Haroldo Costa para dar nome à URS, por tudo o que ele representa para o Brasil, seja como ator ou na sua paixão pela cultural ou no combate à discriminação racial. O homenageado não escondeu a emoção.

– Agradeço essa homenagem ao prefeito e a querida Laura Carneiro. Recebo essa homenagem com prazer, humildade e coração aberto. É preciso reconhecer que o prefeito investe no lado escuro da sociedade – frisou Haroldo Costa, que visitou o abrigo depois da cerimônia.

Ainda nesta terça-feira, a secretária de Assistência Social entregou a reforma da URS Dina Sfat, em Bangu, realizada em parceria com a Fecomércio. Na cerimônia, o presidente da entidade, Antonio Florêncio de Queiroz Júnior, confirmou que a parceria continua com a reforma da Central de Recepção da Ilha do Governador, que deve se iniciar nos próximos dias. Ele ainda anunciou que a Fecomércio também assumirá as reformas em mais dois abrigos, que ainda serão escolhidos pela Assistência Social. Com espaço para até 29 idosos, o Dina Sfat também recebeu novo mobiliário e equipamentos de cozinha e escritório.

 

José Delfim ao lado da secretária Laura Carneiro – Prefeitura do Rio

Haroldo Costa

Essa unidade foi aberta emergencialmente em setembro de 2020 por causa da pandemia. Em espaço amplo que conta com área verde e campo de futebol, a unidade se divide em três áreas de convivência, horta terapêutica e ambientes de atendimento para usuários que tiveram vínculos familiares rompidos ou fragilizados. A sua equipe é multidisciplinar, envolvendo assistentes sociais, psicólogos, profissional de educação física, pedagogo, educadores sociais e equipe de enfermagem.

Haroldo Costa foi aluno do Pedro II e atuou no efervescente movimento estudantil na década de 40. Começou a carreira no Teatro Experimental do Negro, fundado por Abdias Nascimento, ao lado de nomes como Ruth de Souza, Grande Otelo e Milton Gonçalves, e foi o primeiro negro a atuar no Teatro Municipal, ao protagonizar o clássico Orfeu da Conceição. Participou da inauguração da TV Globo, em 1965, e dirigiu estrelas do porte de Dercy Gonçalves, Chacrinha e Moacyr Franco. É autor de diversos livros, como “Salgueiro: Academia de Samba” (1984), “100 Anos de Carnaval no Rio de Janeiro” (2001) e “Ernesto Nazareth – Pioneiro do Brasil” (2005). Também assinou a produção de grandes espetáculos musicais sobre o samba.

Dina Sfat

– O Dina Sfat estava fisicamente destruído. Assim que assumi a Secretaria me comprometi com a reforma dos abrigos, que encontrei em situação extremamente precária. Dei início a conversas com vários setores da sociedade e a Fecomércio logo mostrou total receptividade ao projeto – explicou a secretária. A população do abrigo é principalmente de idosos que foram abandonados pelas famílias, como José Delfim Gomes, de 64 anos, que em quatro anos no espaço nunca recebeu uma visita.

A reforma contou com pintura total do espaço; conserto de vazamentos; revisão hidráulica e elétrica, com instalação e montagem de quadro de força; de aparelhos de ar-condicionado e exaustores; recuperação e reposição de peças de banheiros e cozinha; revisão no telhado com impermeabilização de calhas; poda de árvore; impermeabilização de lajes; correção de canalização de águas pluviais e de portas; recuperação de vidros e acrílicos e desentupimento de pias.

Entre os equipamentos entregues estão geladeira, batedeira, fogão, freezer, liquidificadores e cafeteira de porte industrial, utensílios, colchões, travesseiros, 16 cadeiras, dois bebedouros, impressora e três desktops. Tornou-se um espaço para receber o público idoso em 2010, quando passou a se chamar URS Dina Sfat, em homenagem à atriz brasileira que foi uma das grandes do cinema, teatro e TV, recebeu inúmeros prêmios e também se destacou pela luta em defesa dos direitos humanos.

  • 25 de maio de 2021