Assistência Social realiza ação emergencial na Maré para atender alta demanda no CadÚnico

Publicado em 07/04/2022 - 19:59 | Atualizado
Atendimento do Assistência Volante - Fernando Maia / Prefeitura do Rio

A 4ª Coordenadoria de Assistência Social, onde está localizado o Complexo da Maré, receberá nesta sexta-feira (08/04) o  Assistência Volante, programa da Secretaria Municipal de Assistência Social (SMAS) que faz parte de um plano de ações emergenciais para dar resposta ao aumento da demanda no CadÚnico (programas federais de transferência de Renda). A região foi a campeã de cadastramentos de novembro de 2021 a fevereiro deste ano.

O objetivo do Assistência Volante é estar nas comunidades mais vulneráveis do Rio, em pontos estratégicos próximos a elas. A população conta ainda com os 47 CRAS (centros de referência) espalhados pela cidade.

Segundo a secretária municipal de Assistência Social, Maria Pucú, depois da 4ª CAS, o Assistência Volante deverá chegar à 8ª CAS, onde 18 mil famílias fizeram seu CadÚnico de novembro a fevereiro.

Essas ações emergenciais estão sendo planejadas com base em dois programas itinerantes da SMAS, o Cariocad e o Assistência em Movimento, que já disponibilizam um leque de serviços em favelas e comunidades cariocas. A diferença é que o cronograma do Assistência Volante é definido diariamente, de acordo com a demanda mais urgente.

O posto volante na região da Maré funcionará na Escola Municipal Dilermando Cruz (Avenida Teixeira de Castro, 407, Bonsucesso), a partir das 9h. De segunda a sexta, a secretaria divulgará o posto volante do dia seguinte.

  • 7 de abril de 2022