Assistência entrega selo social a parceiros amigos

Publicado em 15/09/2019 - 15:35 | Atualizado em 15/09/2019 - 15:39

A Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos (SMASDH) realizou a solenidade de entrega do Selo de Responsabilidade Social aos parceiros
do projeto Circulando, na Sala Cecília Meireiles, centro do Rio de Janeiro.

O Circulando há mais
de um ano tem trabalhado para levar arte e cultura para as pessoas em situação de rua e conta
com o apoio de diversos parceiros.

Receberam os selos as instituições Museu do Amanhã, Universidade das Quebradas, Museu da Justiça, Museu de Arte Moderna, Casa Museu Eva Klabin, Sesc RJ, Eduardo Araújo & Senhoras
do Calendário, Spectaculu, People’s Palace Projects, Oi Futuro, Gastromotiva, UniCirco Marcos
Frota, Museu do Açude, Pra Contar… Fotografia e Arte, Luna Magalhãess e Fundação Leão XIII.

Além dos parceiros, estiveram presentes no evento funcionários dos Cras e Creas do município. A entrega do selo marcou a chegada do Festival Desculpe Incomodar, que acontecerá nos dias
4 e 5 de outubro.

A SMASDH e seus parceiros estão trabalhando para a realização de um grande evento com mais de 40 atividades espalhadas pela cidade do Rio de Janeiro, muitas delas serão feitas pelo público da Assistência Social, como música, teatro e
exposições, tudo isso com a finalidade de empoderar por meio da arte as pessoas que vivem em situação de rua.

O secretário João Mendes de Jesus esteve presente ao evento e entregou o Selo aos parceiros e
aproveitou para falar sobre o Decreto nº 46.483 publicado no Diário Oficial, que cria
uma parceria com o Instituto Pereira Passos para realizar a contagem de maneira assertiva do número
de pessoas em situação de rua.

Ao final do evento, João Mendes aproveitou para elogiar a iniciativa do Projeto Circulando “diante da crise que estamos passando, a ter muita criatividade para não deixar de elaborar projetos para a melhoria de vida do público da Assistência Social. O Projeto Circulando tem recebido todo apoio da
Secretaria para realização de suas atividades, e eu gostaria de agradecer a todos que tem dado
esse apoio tão importante para ressignificação e valorização das pessoas assistidas pela SMASDH” –
afirma João Mendes de Jesus.