Secretaria Municipal de Transportes - SMTR
Rio ganha ferramenta de emissão de Cartão de Estacionamento de Idoso pela internet

26/07/2018 14:35:00


 

Em menos de um mês, cerca de duas mil pessoas conseguiram seu Cartão de Estacionamento de Idoso em minutos e sem sair de casa. Bastou acessar a internet, preencher um cadastro simples no site Carioca Digital (https://carioca.rio) e imprimir o documento. Por determinação do prefeito Marcelo Crivella,  o Iplan-Rio,  empresa de tecnologia da Prefeitura, desenvolveu um sistema que tornou o Rio a primeira cidade do país a oferecer o benefício por meio da internet em todas as etapas, do cadastro à impressão, a quem tem 60 anos ou mais.

 

 

Antes, só era possível obter o cartão por meio de um cadastro presencial em um dos 10 postos fixos da Secretaria Municipal de Transportes (SMTR) espalhados pela cidade. Segundo o último censo do IBGE, cerca de um milhão de cariocas têm mais de 60 anos, todos com direito de imprimir o documento e parar em vagas destinadas exclusivamente a idosos em estacionamentos públicos e privados.

 

Nas 1.618 vagas dos estacionamentos públicos do município voltadas para idosos, quem estiver com o Cartão de Estacionamento de Idoso estará isento de pagamento. Em estabelecimentos privados, os portadores do cartão poderão estacionar nas vagas destinadas a idosos, mas o pagamento será de acordo com a política do local. E quem já tiver obtido o seu cartão antes não precisa se preocupar: ele continua em vigor.

 

Para organizar o processo, cada CPF só pode emitir um cartão de estacionamento para idoso. O número de processo permite a realização de auditoria, dando confiabilidade ao sistema. Todos os cartões terão um QR Code - código que pode ser escaneado pela maioria dos aparelhos celulares com câmera fotográfica. O QR Code garante ainda mais transparência ao processo e possibilidades de controle, pois qualquer cidadão poderá escanear o código do cartão e agir como um fiscal do serviço.

 

Vale lembrar que, em junho de 2017, uma resolução da Prefeitura do Rio  ampliou o universo dos beneficiários, contemplando os idosos acima de 60 anos, não mais de 65, além de desvincular o usufruto do cartão de um carro específico. Outra novidade: a validade do documento passou a ser de 5 anos. Quem preferir pode continuar requisitando o cartão nos postos da SMTR.