Diário Oficial do Município do Rio de Janeiro

 

Vacina contra Raiva Humana

 

Em caso de agressão (mordida / arranhão) por cães, gatos, morcegos e demais animais silvestres, é preciso seguir as seguintes  orientações:

 

• Lavar imediatamente o ferimento com água corrente e sabão;

 

• Procurar imediatamente um Pólo de Primeiro Atendimento Antirrábico para ser atendido por um profissional de saúde e receber as devidas orientações em relação aos cuidados;

 

• Manter a região afetada, bem limpa com solução fisiológica ou água e sabão;

 

• Se a agressão for nos olhos, o local deve ser lavado com soro fisiológico ou água corrente.

 

Informe-se sobre atendimento para profilaxia da raiva humana

 

 

Administração de Soros e Imunoglobulinas

O soro/imunoglobulina é administrado de forma preventivamente ou terapêutica, em caráter imediato, após  exposição a determinados agentes infecciosos ou após acidentes causados por animais peçonhentos.

 

Informe-se aqui onde conseguir Soroterapia, quando indicado

 

 

Vacina Febre Amarela (viajantes)

A vacina contra febre amarela é indicada para pessoas que irão viajar para áreas de risco da doença. A vacina é válida por dez anos e deve ser aplicada pelo menos dez dias antes da viagem. É importante guardar o comprovante de vacinação contra a febre amarela. Para viajar para fora do Brasil, há exigência de troca do comprovante pelo certificado internacional. A vacina pode ser aplicada a partir dos 09 meses de idade.

 

Para obter o Certificado Internacional de Vacinação e Profilaxia (CIVP), recomenda-se realizar o pré-cadatro junto ao site da ANVISA no link: https://viajante.anvisa.gov,br/

 

Para saber os endereços das unidades emissoras de CIVP, clique no folder abaixo:

 

                                               

 

Principais áreas de risco para febre amarela:

Brasil: Municípios com Recomendação de Vacinação

Outros países

 

 

Email: imunizacaovs@rio.rj.gov.br

 



Serviços Serviços