Meio século dedicado à Educação Municipal

13/03/2019 18:39:00


Shirley Barros e Sara de Carvalho têm muito em comum, além do "S" como letra inicial no nome. Exatamente no dia 24 de fevereiro de 1969, as duas professoras da Prefeitura do Rio iniciavam a sua carreira de sucesso no magistério. Cinquenta anos se passaram e elas continuam com a mesma motivação do primeiro dia: fazer a diferença na vida das crianças, levando educação de qualidade a todos.

Das cinco décadas de carreira de Shirley, 46 foram dedicados a dirigir escolas municipais. Na Escola Municipal Comunidade de Vargem Grande, a educadora trabalha há 31 anos. Diariamente, 782 alunos do 4º ao 9º ano do Ensino Fundamental e do Programa de Educação de Jovens e Adultos são atendidos nos três turnos (manhã, tarde e noite).

Na sua longa trajetória, Shirley repete a prática de oferecer oficinas diversificadas no contraturno. A fórmula de sucesso, que aprendeu ainda nos primeiros anos de magistério quando atuava na Escola Municipal Guatemala, segue trazendo bons resultados. Com atividades como futebol, vôlei, cerâmica, cinema, animação, artes, literatura, informática, dança e teatro, a escola se torna mais atrativa e as crianças e adolescentes permanecem mais tempo no local. Em 2018, a Escola Municipal Comunidade de Vargem Grande alcançou 100% de aprovação dos seus alunos.

"É nessa metodologia que eu acredito. Sempre procurei trazer novidades para o ambiente escolar. Na minha escola foi implantada a primeira sala de leitura polo da Rede. Foi aqui também que foi montada a primeira sala de informática da região" explicou à educadora.

Os sucessivos bons resultados garantem a Shirley o reconhecimento na comunidade escolar. A escola é uma referência na região. Na eleição para diretor, a professora recebeu todos os votos a seu favor.

Aos 70 anos, Shirley não pensa em parar. "Muitas gerações já passaram por mim. Meu filho estudou comigo, minha nora e meus netos também. Quero continuar trabalhando enquanto tiver saúde. Sei que faço a diferença na vida de muita gente" concluiu.

Cinquentenária está à frente da escola referência na cidade

Por onde passou, Sara se tornou uma referência. Na década de 60 decidiu ser professora para conciliar a profissão com família. Começou a trabalhar aos 19 anos na Escola Municipal Fernando Barata Ribeiro, unidade que seu pai estudou. Por 12 anos a professora atuou na Escola Municipal Espírito Santo. Foi lá que seus dois filhos estudaram. Sara ainda trabalhou como diretora adjunta da Escola Municipal Luiz de Camilo até ir para a Escola Municipal Francis Hime onde foi diretora por 20 anos. O trabalho de referência na unidade fez a educadora ser convidada para dirigir uma nova escola: Escola Municipal Roberto Burle Marx, na Barra da Tijuca. Acompanhou desde as obras até a inauguração, há 15 anos. Está à frente da unidade até hoje.

Com 600 alunos do 1º ao 9º ano, a escola de Sara sempre está na lista das 10 melhores colocadas do munícipio no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB).

"Trabalhar com crianças e adolescente requer disciplina e organização. Sou muito exigente e ofereço o melhor para os meus alunos. As salas são climatizadas, a merenda é balanceada, os professores são excelentes. Em uma escola feliz, os resultados serão sempre positivos" explica a diretora que faz questão de ressaltar que 85% da sua clientela vêm de comunidades do entorno.

Aos 69 anos, Sara também não tem planos para se aposentar. Questionada por qual motivo pretende continuar, é bem clara. "Acredito na Educação Pública. Hoje meus filhos são bem sucedidos. Meus alunos merecem ter o mesmo sucesso e para isso me trabalho para garantir uma educação de qualidade para todos" garantiu.




56_INSTANCE_en5I 56_INSTANCE_en5I p_p_id_56_INSTANCE_en5I_


Todas as Notícias

Veja as últimas notícias

Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro - Rua Afonso Cavalcanti, 455 - Cidade Nova - 20211-110