Instituto de Previdência e Assistência - PREVI-RIO
Começou o prazo para Prova de Vida dos inativos e pensionistas de final de matrícula 9

02/09/2019 07:30:00


 

Os servidores inativos e pensionistas, com final de matrícula 9, devem efetivar o seu recadastramento Anual Obrigatório 2019, até o próximo dia 30 de Setembro.
             
               Como nos anos anteriores, a Prova de Vida obrigatória, em 2019, segue o método tradicional, ou seja, a ordem de chamada é mensal e pelo algarismo final de matrícula.
 
           O procedimento tem que ser feito, exclusivamente, no Banco Santander, mediante apresentação de Identidade e CPF.

 

 

                Caso o servidor ou o pensionista não possa comparecer ao banco, por algum motivo, deverá entrar em contato com o Disque Servidor, no telefone: (21) 2599-4746, para orientação sobre o procedimento a ser adotado. 
 
 
                 Veja todas as possibilidades, documentos necessários e formulários específicos AQUI

 

              

 

 

                      

 

 

 

      

Os possuidores do final de matrícula 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7 e 8 que não fizeram o seu recadastramento em janeiro, fevereiro, março, abril, maio, junho, julho e agosto respectivamente, como determinado, deverão fazê-lo o mais rápido possível, comparecendo a uma agência do banco para não correrem o risco de terem o pagamento suspenso.
 
 

Importante informação sobre Prova de Vida e Plano de Saúde:  

A prova de vida exigida dos servidores aposentados e pensionistas também é fundamental para a continuidade da cobertura do plano de saúde. 

 

Como quem não se recadastra fica  temporariamente fora da folha de pagamento, até que faça o procedimento, e o plano de saúde do servidor municipal é pré-pago, ao sair da folha, o usuário também é suspenso temporariamente do plano.

 

Para reativá-lo, não basta apenas se recadastrar no Santander, pois o restabelecimento da validade do convênio não é automático junto com a entrada novamente em folha. 

É necessário fazer um pedido de reinclusão

Para isso,  o  aposentado ou pensionista também tem que ir à qualquer agência do Grupo Assim Saúde, operadora do plano, ou no Posto de Atendimento do plano, no térreo do Bloco 1 da sede da Prefeitura do Rio (na Cidade Nova), e solicitar a reinclusão.

Planos superiores: No caso de usuário de planos superiores; dependentes ou estranhos aos quadros será preciso também, nessa mesma ocasião, efetuar o pagamento da parcela faltante, para o plano ser restabelecido.

Planos básicos:  Quem tem os planos básicos não é necessária efetuar na hora a recomposição dos 2%, que serão descontados, retroativamente, nos contracheques posteriores. Assim, a reinclusão é feita imediatamente.