Apresentação

 
 
As mudanças sociais e políticas que se intensificaram nos últimos tempos, mais acentuadamente nos últimos anos, tem levado a sociedade a cobrar do Município uma reformulação em sua prática administrativa.
 
Esta realidade tem exigido direcionalidade e efetividade do Município do Rio de Janeiro, na busca da superação de suas práticas organizacionais, estabelecendo um comprometimento com o atendimento às necessidades do munícipe.
 
A administração municipal, em particular, a Coordenadoria Geral de Gestão Institucional, tem empenhado esforços no sentido de implementar inovações no seu processo de gestão institucional, com alguns marcos de transformação e reestruturação organizacional no modo de gestão dos Órgãos e Entidades administrativos.
 
Sendo assim, adotou-se como referência para as suas ações um modelo de reestruturação organizacional que pensa a gestão na sua totalidade e prioriza a atuação intersetorial, descentralizada e compartilhada com a sociedade para garantir resultados que impactem na realidade, gerando melhoria na qualidade de gestão institucional.
 
A tarefa de gestão institucional é coletiva e, por extensão, dos diversos órgãos que compõem a administração municipal, cumprindo a função primordial de orientar todos os atores para uma ação conjunta, além de estabelecer um elo de ligação entre seus componentes, indicando suas estruturas, cargos comissionados, espaços e funções, de maneira que a realização de cada um guarde a importância em si e ainda construa o resultado conjunto.
 
Nesta linha de abordagem, a Gestão Institucional tem como ponto de partida as experiências das administrações anteriores e, num contínuo processo de aperfeiçoamento, vem adequando as estruturas organizacionais formais às concepções de modernidade e efetividade.
 
Estas características se constituem em fatores de transformação da cultura organizacional tradicional para uma arquitetura organizacional voltada para resultados, contribuindo para que a Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro seja cada vez mais atuante, resolutiva e eficaz.
 
Nesta oportunidade, a Coordenadoria Geral de Gestão Institucional da Secretaria Municipal da Casa Civil tem a grata satisfação de apresentar o Portfólio de Gestão Institucional da Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro.
 
Este documento revela como a PCRJ se redesenhou, do ponto de vista organizacional, utilizando modernas técnicas e instrumentos de gestão para responder, com resiliência, às demandas crescentes da sociedade. 
 
Para dar conta dos desafios, a Prefeitura vem pautando sua gestão em projetos que reflitam as iniciativas estratégicas postas no Planejamento Estratégico; projetos estes que são monitorados, sistematicamente, para serem redesenhados sempre que necessário. 
 
Devem ser registrados os esforços para aprimoramento dos atendimentos e dos serviços solicitados por meio da Central 1746 e, em nível local, pelas Superintendências Regionais e demais órgãos descentralizados/regionalizados, possibilitando maior aproximação do Poder Público com a Sociedade, garantindo menores deslocamentos, menor dispêndio de tempo e maior rapidez no atendimento.
 
A Identidade Organizacional de cada Secretaria/Entidade - revelada nas declarações de missão, visão e valores – está, sempre que identificada, suportada pelos processos de negócio identificados e refletidos nos organogramas da estrutura básica atual, nas competências dos seus órgãos e nos produtos/serviços, todos registrados no presente documento.  
 
O Portfólio de Gestão Institucional, ora disponibilizado no portal da Prefeitura, será atualizado ao final de cada ano, com as alterações organizacionais ocorridas. Esta Coordenadoria Geral espera que este Portfólio de Gestão Institucional constitua-se em fonte de consulta, dado que nele, além da foto organizacional de cada Secretaria/Entidade que compõe o Poder Executivo Municipal, encontram-se as principais legislações sobre as Funções Municipais, sobre os Sistemas Corporativos e, ainda, como se dá a descentralização, no âmbito do Município. 
 
Devo ressaltar o quanto a atual gestão respeita, tecnicamente, a área de Gestão Institucional, que pauta o seu assessoramento por intervenções organizacionais, sempre baseadas em metodologias consagradas no mercado e adaptadas à realidade da administração pública. E assim, este Portfólio de Gestão Institucional, deixa registrada a sua memória organizacional.