MITOS E VERDADES
 
 
 
O Plano de Saúde do Servidor Municipal terá validade somente até 30 de novembro?
 

O Previ-Rio e a Assim assinaram um acordo de prorrogação do atual contrato do Plano de Saúde do Servidor Municipal (PSSM), que agora será extendido até o dia 31 de janeiro.
 
A medida garante que nenhum servidor ou dependente fique sem cobertura, enquanto não há definição do cadastramento de novas operadoras que desejarem integrar o PSSM.
 
Desta forma, todos os contratos estão mantidos e sem nenhum custo adicional durante este período.
 
 
 
As inscrições para os servidores interessados em utilizar o Clube do Servidor Municipal já acabaram?
 
Não. As inscrições podem ser feitas ainda até o dia 10 de novembro. O que acontece é que houve grande procura, logo que houve a abertura do credenciamento,  e as primeiras mil vagas oferecidas foram preenchidas, em um pré-cadastro. Porém, estas inscrições só serão efetivamente  confirmadas, após a entrega, por estes primeiros,  de todos os documentos previstos no Edital de Abertura do Credenciamento.
 
Na última segunda-feira, dia 23, foram colocadas à disposição mais 500 vagas, totalizando então 1.500 cadastramentos possíveis. 
 
Os interessados que comparecerem ao clube, para se inscrever agora, irão compor uma lista de espera. Após 10 de novembro, será publicada uma listagem final com todas as matrículas confirmadas. Caso restem vagas disponíveis, os servidores desta lista de espera serão progressivamente convocados, até o preenchimento da capacidade total.
 
O Clube foi aberto no último dia 26, com uma programação voltada, principalmente, para atividades esportivas, funcionando somente nos dias úteis.
 
Para se inscrever nas atividades, o servidor interessado deverá dirigir-se diretamente à sede do clube (Rua Ulisses Guimarães s/n), de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h.  
 
 
 
Os benefícios assistenciais do Previ-Rio serão cortados?
                                             
Os auxílios e benefícios do Previ-Rio que têm inscrições permanentemente abertas  estão mantidos e sendo pagos regularmente.  Tanto os benefícios continuados - como Auxílio Moradia e Auxílio Medicamento - como os pagos uma vez só, como é o caso do Auxílio Funeral, Auxílio Natalidade e Auxílio Adoção, estão todos normalizados. 
 
Além disso, todos os pecúlios Post Mortem deferidos relativos ao primeiro semestre já foram pagos, restando apenas os processos relativos aos dois últimos meses.
 
Apenas o Auxílio Educação - que engloba o Previ-Educação, o Previ Material Escolar e o Previ Creche - não teve inscrições abertas este ano, mas está mantido. 
 
Por decisão do Conselho de Administração não haverá mais o Auxílio Material Escolar, uma vez que este já está contemplado no Previ-Educação. Da mesma maneira, decidiu-se pelo fim do Auxílio Órtese e Prótese-  que não é concedido desde 2007 -  e que, por ser de difícil implementação, nunca foi regulamentado adequadamente.
 
Já o  Auxílio Bolsa Estudo, voltado a pensionistas estudantes menores de 24 anos - uma compensação da antiga extensão da pensão, proibida por Lei Federal -, não permitirá novas adesões, mas quem já está recebendo continuará até completar 24 anos.
 
 
 
A Creche Institucional Dr. Paulo Niemeyer vai acabar?
 
Ao contrário do que alguns têm dito, a Creche Institucional Dr.Paulo Niemeyer, que atualmente atende a 167 filhos de servidores, não irá, de forma nenhuma,  acabar. Sua gestão será apenas transferida, do Previ-Rio para a Secretaria Municipal de Educação (SME).
 
Todos os alunos dependentes de servidores que hoje estão matriculados na creche continuarão estudando normalmente, até completarem o seu ciclo.
 
Em contrapartida, o Previ-Rio poderá continuará a pagar o  auxílio-creche a mais de 3 mil servidores que têm direito ao benefício.