Diário Oficial do Município do Rio de Janeiro

 

 


 

Cursos da Vigilância Sanitária capacitam mais de 10 mil pessoas esse ano

14/11/2017 09:04:00  » Autor: Fotos: Vigilância Sanitária


A Vigilância Sanitária já capacitou, este ano, 10.497 pessoas em cursos voltados para ambulantes, trabalhadores e empresários do comércio fixo de alimentos, de salões de beleza, de estúdios de piercing e tatuagem, e de asilos. Os cursos são gratuitos e realizados várias vezes ao ano.

 

De acordo com Flávio Graça, superintendente de Educação, Comunicação e Inovação da Vigilância Sanitária, a nova gestão investe no caráter educativo de suas ações, para diminuir as barreiras na relação com o empreendedor:

 

- O interesse da Vigilância Sanitária deve ser o mesmo que o do empreendedor, que é o de prestar o melhor serviço à população carioca. Para isso, investimos muito em orientações sobre nossa legislação e na transparência de nossas ações.

 

E não para por aí. O superintendente ainda afirma que pretende ampliar as ações de cunho educativo:

 

- Acreditamos na educação como um fator transformador.

 

Para o comércio de alimentos, é realizado o curso sobre "Noções básicas de higiene para manipuladores de alimentos", que tem o objetivo de orientar e alertar sobre os cuidados que devem ser tomados para evitar a ocorrência das doenças transmitidas pela comida. Foram 298 cursos para empresários e trabalhadores de estabelecimentos que comercializam alimentos, com a capacitação de 9.590 pessoas.

 

Para os ambulantes, foram 14 cursos, com a capacitação de 425 pessoas. Já os salões de beleza e os estúdios de piercing e tatuagem contaram com 18 cursos, que capacitaram 401 pessoas. Nas aulas, foram repassadas orientações sobre os procedimentos para a utilização correta dos materiais, o uso de cosméticos e tintas regularizados, a limpeza e desinfecção do ambiente, e a prevenção de doenças infectocontagiosas, como hepatites B e C, tétano, AIDS, micoses, dentre outras.

 

Já o curso de asilos capacitou 81 pessoas, com cinco edições. Nas aulas foram abordados temas referentes às condições adequadas que o local deve manter, a fim de evitar riscos à saúde dos hóspedes.

 

A Vigilância Sanitária também organiza treinamentos prévios para grandes eventos. Para o Carnaval, por exemplo, foram realizados cinco cursos para trabalhadores e responsáveis técnicos dos estabelecimentos do sambódromo e dos ambulantes autorizados do entorno. Para o Rock in Rio, foram capacitadas 1.946 pessoas, em 36 cursos.

 

Além disso, também são realizados cursos para grupos de centros comerciais com grande circulação de pessoas. Para a Feira de São Cristóvão, foram sete cursos com 302 participantes; na operação Vigilância no Shopping, a capacitação envolveu 449 participantes em 203 cursos.

 

Ainda haverá cursos nos meses de novembro e dezembro. Para ambulantes, o treinamento acontece nos dias 28 de novembro e 12 de dezembro. Já para os salões de beleza, no próximo dia 27. Para profissionais de estúdios de piercing, o curso será dia 30 de novembro. O treinamento dos profissionais que atuam em asilos terá sua última aula no dia 7 de dezembro.

 

Todas as aulas acontecem no auditório da Vigilância Sanitária (Rua do Lavradio, 180/6º andar), no Centro. O treinamento dos ambulantes é realizado na parte da tarde, no horário de de 14h às 17h. As aulas para salões, estúdios e asilos acontecem na parte da manhã, no horário de 9h às 12h. 

 

As inscrições para todos os cursos estão abertas. Os interessados podem obter mais informações pelo telefone 2224-4606 ou no site da Vigilância Sanitária, onde devem preencher a ficha de inscrição e enviar pelo e-mail  geducavisa@gmail.com. Por desse endereço, também podem ser consultadas as vagas em cursos realizados durante todo o ano, sem datas fixas, sujeitos à lotação.

 

As inscrições também podem ser feitas por meio de solicitações das associações empresariais e do empresariado.




Serviços Serviços