Diário Oficial do Município do Rio de Janeiro

Prefeito apresenta secretária de Cultura à classe artística e cultural da cidade

05/01/2017 17:04:00  » Autor: Flávia David / Fotos: Edvaldo Reis


O prefeito Marcelo Crivella participou, nesta quinta-feira (05/01), de ato solene que apresentou a secretária municipal de Cultura, Nilcemar Nogueira, à classe artística e cultural da cidade. Realizado no Teatro Carlos Gomes, no Centro, o evento reuniu representantes dos mais variados segmentos artísticos do Rio, como a atriz Fernanda Montenegro, o coreógrafo Carlinhos de Jesus e o cineasta Cacá Diegues. Durante a cerimônia, que também contou com as presenças da bailarina Ana Botafogo e da atriz Adriana Lessa, Nilcemar apresentou as principais ações que pretende implantar na área.

 

- Estamos vivendo dias difíceis no Rio. Por isso, este é o momento de realizarmos mais com menos. A cultura é muito importante, uma área que precisa de investimento, de fomento. Mas as coisas precisam ser colocadas em seus devidos lugares e acontecerem na sua hora. Precisamos ser criativos neste momento. Cultura é troca, seja por um olhar, sentimento ou aplauso. A nossa cultura também será de troca - falou o prefeito.

 

Entre as políticas que pretende desenvolver no setor, Nilcemar espera trabalhar em conjunto com a Secretaria Municipal de Educação, incentivando a prática de atividades culturais nas unidades do município. O estímulo à leitura também faz parte das metas da nova administração:

 

- A cultura é, sem dúvida, uma poderosa alavanca de desenvolvimento e deve ser vista como um direito humano. Por esse motivo, faz-se tão necessária a integração entre as secretarias. É o caso da Educação, por exemplo. As escolas podem e devem ser usadas como equipamentos culturais, produzindo cultura e recebendo eventos, como levar as crianças até as salas de orquestras e os músicos às salas de aula. Também queremos incentivar a leitura através da potencialização das bibliotecas populares e da implantação de salas de leituras itinerantes.  

 

A secretaria apresentará, em breve, um cronograma para implantação do Vale-Cultura, ferramenta que priorizará o acesso a equipamentos culturais por famílias de baixa renda e alunos da rede municipal. O órgão municipal também dará continuidade à reforma do próprio Teatro Carlos Gomes e de outros equipamentos culturais da cidade.

 

Nascida em Botafogo e criada em Olaria e na Mangueira, neta de Cartola e Dona Zica, a secretária afirmou que ações serão pautadas através do diálogo que pretende manter com a sociedade e representantes do setor:

 

- Fomento é importante para o fortalecimento, difusão e a preservação da produção cultural, mas a política vai muito além. Cada ação precisa promover a diversidade e a expressão de identidades. Precisamos ser audaciosos e criativos. É nosso desejo dialogar com os produtores e consumidores de cultura do Rio para construir um projeto que esteja de acordo com as reais necessidades da cultura de nossa cidade. Mas a consolidação dos nossos eixos será definida após a consulta de todos os setores, do diálogo entre as diferenças. A cultura é múltipla e nossa a palavra de ordem é união.

 

Entre as outras ações que serão implantadas pela secretaria está o apoio logístico e financeiro a produtores e empreendedores culturais e novos artistas, incentivando a transmissão de conhecimento e a geração de empregos. Também é meta da secretaria estimular de forma equilibrada as artes de todas as regiões da cidade, interligando-as. A utilização da cultura como ferramenta de integração da sociedade, reduzindo a violência e a taxa de mortalidade dos jovens, também está incluída nas políticas a serem implantadas pela secretaria.

 

A sambista Lecy Brandão destacou, para a valorização da mulher negra, o quão importante é ter Nilcemar à frente de uma secretaria de governo:

 

- Mulher negra, mãe, filha e neta. Uma pessoa que tem legitimidade para assumir este cargo, pois conhece as nossas necessidades. É uma vitória tê-la na cultura do Rio de Janeiro.

 

A bailarina Ana Botafogo destacou a pluraridade da pasta e as responsabilidades a serem enfrentadas pela nova secretária:

 

- É uma alegria saber que teremos Nilcemar ao nosso lado, diante da responsabilidade que é estar à frente de uma secretaria tão plural, que une as mais variadas formas de arte. Que possamos estar sempre juntas, nos mais variados segmentos, para melhorar ainda mais a nossa cultura.  

 

Entre os presentes, a primeira repórter portadora de Síndrome de Down, Fernanda Honorato, também fez questão de demonstrar seu carinho a Nilcemar:

 

- Você tem o meu total apoio em sua gestão. Seu nome diz tudo: é mangueirense, é vitória. Precisamos romper barreiras e estamos aqui para te ajudar. A união faz a força. Vamos fazer a diferença que tanto precisamos.

 

Artistas que não puderam comparecer ao evento desta quinta-feira gravaram em vídeo mensagens de boas-vindas à nova secretária de Cultura, como o cantor e compositor Arlindo Cruz:

 

- Ela tem talento e devoção à cultura.  Tenho certeza de que fará um grande trabalho.

 

O evento foi marcado por apresentações de artistas como Dudu Nobre, que interpretou seus maiores sucessos, João Donato, Rildo Hora e a bateria da Estação Primeira de Mangueira.


Imagens relacionadas:










Serviços Serviços