Guarda Municipal do Rio de Janeiro - GM-Rio
Operação Verão: Guarda Municipal divulga balanço de dois meses

12/12/2018 11:28:00


Em dois meses de Operação Verão, a Guarda Municipal do Rio (GM-Rio) registrou 15 ocorrências de prisões e apreensões de adolescentes, a maioria após flagrantes de crimes, como furto e roubo, praticados na orla das Zonas Sul e Oeste e entorno, como os desse fim de semana. No domingo, dia 9, guardas do Grupamento Especial de Praia (GEP), prenderam um dos quatro suspeitos de assaltar as Lojas Americanas da Avenida Olegário Maciel, na Barra da Tijuca.

 

Policiais militares, que já estavam atuando na mesma ocorrência, prenderam outros quatro envolvidos no roubo de celulares e de dinheiro da loja. Duas armas foram apreendidas. Os suspeitos, sendo um deles motorista de aplicativo, foram conduzidos para a 16ª DP (Barra da Tijuca), onde a ocorrência foi registrada. No sábado, dia 8, outra equipe do GEP apreendeu um adolescente acusado de furtar o celular de uma mulher na Avenida das Américas, próximo ao Barra Shopping. A ocorrência também foi registrada na 16ª DP (Barra da Tijuca).

 

Já nas ações de ordenamento e fiscalização nas areias das praias, foram registrados, até o momento, 296 retiradas de camping, sendo a maior parte na região da Zona Sul, e 1395 orientações para retirada de cães que estavam circulando nas areias da praias. Além disso, foram coibidas 148 práticas esportivas, como altinho e frescobol, em horário e/ou loca proibido. As restrições estão previstas no Código de Posturas Municipais. Os guardas municipais do GEP também ajudaram 24 crianças perdidas a reencontrarem os pais ou responsáveis.

 

Ainda foram apreendidos mais de 1.918 produtos que estavam sendo comercializados na orla por ambulantes sem autorização. Na Zona Sul, entre os produtos apreendidos havia 30 facas, encontradas em depósitos de caipirinha e também com pessoas em situação de rua. Além disso, os guardas municipais também apreenderam 27 churrasqueiras e uma tocha na Zona Oeste. Por se tratar de áreas de proteção ambiental, nas praias da cidade é proibida a fabricação de alimentos, como churrascos.

A Operação Verão começou no dia 12 de outubro e conta com 531 guardas municipais empregados no patrulhamento da orla das zonas Sul e Oeste da cidade, em ações de ordenamento urbano e de trânsito e na prevenção de pequenos delitos. A instituição dá continuidade ao Plano de Prevenção Contra Pequenos Delitos e Arrastões nas Praias, elaborado pela Secretaria Municipal de Ordem Pública (Seop) em janeiro de 2017, agindo de forma integrada com a Polícia Militar e órgãos da Prefeitura do Rio, como as secretarias municipais de Transporte, Ordem Pública e de Assistência Social e Direitos Humanos.

 

As ações preventivas visam proporcionar maior sensação de segurança aos banhistas nos finais de semana e feriados. Na orla da Zona Sul, que já conta diariamente com guardas do Grupamento Especial de Praia (GEP) e do programa Rio+Seguro, recebe reforço de equipes dos Grupamentos de Cães (GCG), Tático Móvel (GTM), Motociclistas (GGM) e de Operações Especiais (GOE). A operação mantém a integração com a Polícia Militar por meio de radiocomunicação operando na mesma frequência.

 

O efetivo nas ruas conta ainda com o suporte do Núcleo de Videopatrulhamento da Guarda Municipal, que utiliza 80 câmeras do Centro de Operações Rio, redirecionadas para reproduzir imagens e monitorar o calçadão e a faixa de areia. Flagrantes de crimes são enviados pelo celular para as equipes que atuam na orla e também são cedidas à Polícia Civil, para auxiliar no registro de ocorrências nas delegacias.
 


Imagens relacionadas: