Bangu ganha praça com campo de futebol, quadra de vôlei e parque infantil

Publicado em 13/07/2019 - 16:12 | Atualizado em 15/07/2019 - 14:50
Quadra de areia para vôlei e, ao fundo, campo de futebol gramado: frequentadores da Ely Ferreira Cova, em Bangu, têm o que comemorar. Foto: Paulo Sérgio / Prefeitura do RioQuadra de areia para vôlei e, ao fundo, campo de futebol gramado: frequentadores da Ely Ferreira Cova, em Bangu, têm o que comemorar. Foto: Paulo Sérgio / Prefeitura do Rio

O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, inaugurou neste sábado, 13 de julho, a Praça Ely Ferreira Cova, em Bangu, na Zona Oeste, entregando aos moradores uma área de lazer e convivência com 2.880 metros quadrados, que inclui campo de futebol, quadra de vôlei e parquinho infantil.

– Mais uma entrega importantíssima no Jardim Bangu, com campo e quadra de vôlei. E, além disso, estamos vendo a questão da drenagem e das podas de árvores. O Rio de Janeiro está vencendo a crise, e a manutenção da cidade vai ficar bem melhor – declarou o prefeito.

O espaço tem também mesas de jogos, equipamentos de ginástica em aço inox, canteiros e baias de estacionamento no entorno. A obra foi feita pela Fundação Parques e Jardins, subordinada à Secretaria Municipal de Envelhecimento Saudável, Qualidade de Vida e Eventos.

A praça está disponível no programa Adote.Rio, e já tem até um candidato a adotá-la.

Praça Ely Ferreira Cova, em Bangu, tem parquinho infantil com brinquedos novos. Foto: Paulo Sérgio / Prefeitura do Rio
Praça Ely Ferreira Cova, em Bangu, tem parquinho infantil com brinquedos novos. Foto: Paulo Sérgio / Prefeitura do Rio

Sobre o Adote.Rio

O Adote.Rio foi lançado pela Fundação Parques e Jardins em dezembro de 2018, com o objetivo de estabelecer parcerias com pessoas físicas, empresas, associações de moradores e demais segmentos da sociedade para que praças públicas, jardins e áreas verdes sejam preservadas. O programa estimula a apropriação dos espaços públicos pelos cidadãos (qualquer pessoa pode se candidatar a ser adotante) e promove o melhor uso desses locais.

Desde janeiro até abril deste ano, 267 adoções já foram efetivadas por meio do portal. Atualmente, a cidade do Rio soma 1,5 milhão de metros quadrados de áreas adotadas, o equivalente a três Quintas da Boa Vista. Entre outros locais potencialmente adotáveis, estão 2.200 praças urbanizadas, 36 parques urbanos, 1.300 monumentos e chafarizes e 450 quilômetros de ciclovia.