Pneus ganham cores e formas de super-heróis pelas mãos de gari da Comlurb

Jonaisa D’Ávila ao lado de suas criaçõesJonaisa D’Ávila ao lado de suas criações. Foto: Arquivo pessoal

A gari da Comlurb Jonaisa D’Ávila nunca fez curso de artes, nem sabia que tinha habilidade com tinta e pincel. Mas, ao ver pneus velhos transformados em jardineiras coloridas, com desenhos de personagens de filmes e quadrinhos, tratou de pesquisar na internet e começou a descobrir como era possível fazer esse tipo de trabalho. Em sete meses, ela já reproduziu figuras como Mulher Maravilha, Batman, Homem Aranha e, por último, The Flash. Até uma amiga do serviço já foi homenageada por ela e ganhou uma versão emborrachada.

– É inspiração divina. Não sabia que tinha essa habilidade. Em alguns bairros já usam jardineiras coloridas, de uma cor só, feitas de pneus. Uma dia, o gerente da minha unidade, em Deodoro, pintou uma delas com Minions (personagens do filme Meu Malvado Favorito). Achei interessante e fui pesquisar para aprender a fazer um Homem Aranha. E deu certo – conta a gari, de 41 anos, que pede ajuda ao filho Gabriel, de 4, para escolher os bonecos que vai reproduzir.

The Flash, pelas mãos de Jonaisa.
The Flash, pelas mãos de Jonaisa. Foto: Arquivo pessoal

Devido à habilidade para pintar jardineiras, Jonaisa saiu da função de capina e passou a cuidar de canteiros dos bairros de Deodoro, Anchieta e Ricardo de Albuquerque.

– Agora estou aguardando transferência para a Rua Bela, em São Cristóvão. Fui chamada para trabalhar na equipe do programa Rio Novo Olhar (ação coordenada pela Comlurb para revitalização de áreas em parceria com pequenos negócios locais).

Canteiros têm função social nos bairros

Em média, Jonaisa leva um dia para pintar uma jardineira e, segundo ela, mais do que colorir canteiros, esse trabalho tem função social:

– Quando vê os bonecos, a pessoa pensa duas vezes antes de jogar lixo na rua. Os próprios moradores cuidam, limpam, jogam água nas plantas. As crianças querem tirar fotos. Tem um apelo visual. Se está bonito, pensam: não vou estragar.

E quem passa pelas ruas costuma gostar tanto dos pneus pintados que, volta e meia, a gari recebe proposta de trabalho:

– Querem fazer encomenda, já recebi até proposta de um ateliê, mas agora não tenho tempo livre. E, quando tenho, meu filho quer ficar junto, ajudar, mas acaba atrapalhando. Mas quem sabe num futuro próximo consigo fazer. É um projeto.

Por enquanto, Jonaisa só aceita encomenda, ou melhor, sugestão, dos colegas de trabalho.

– Fiz uma jardineira mulata, de cabelo cacheado preto, inspirado na Josiane, que trabalha comigo. Aí, uma outra gari, loura, quer que eu faça uma pra ela – conta a profissional, que já batizou seu trabalho de jardineiras de pneus sustentáveis.

Jonaisa D’Ávila ao lado de uma das suas criações.
Jonaisa D’Ávila ao lado de uma das suas criações. Foto: Arquivo pessoal
Papai Noel e a árvore de Natal: feitos de pneus reciclados. Foto: Arquivo pessoal
Ladybug
Ladybug. Foto: Arquivo pessoal